Spaniel Bretão - Brittanny


Origem da raça Affenpinscher


origem do Spaniel Bretão ou Brittany, como a raça é conhecida, guarda uma grande polêmica: seria o Spaniel uma raça espanhola ou não? Muitos historiadores garantem que o Spaniel Bretão teria origem na península ibérica apoiando-se no livro "A Caça", escrito pelo francês Phoebus, no qual o autor faz uma descrição de um cão muito parecido com o Brittany e atribuindo sua origem à Espanha. Outros autores clássicos, no entanto, contestam essa teoria, afirmando, inclusive, que o nome da raça (Epagneul) provinha da forma como a raça imobilizava a presa. Outros autores sustentavam que seria impossível o desenvolvimento de uma raça de pelos longos num clima quente como o da Península Ibérica.



De qualquer forma, a teoria mais aceita é a que o aponta o Spaniel Bretão como descendente do chamado "Cão de Oysel" que, devido a constantes cruzamentos deu origem aos Spaniels e Setters. O Épagneul Breton é originário de uma região de nome Callac, no centro da Bretanha e que ele se desenvolveu em solo francês, sendo a raça mais popular daquele país e também a mais exportada para todo mundo.



O primeiro exemplar foi apresentado, oficialmente, em 1896 e o primeiro clube de criadores da raça constituiu-se em 1907. Nesta época redigiu-se o primeiro padrão da raça, que recebeu o nome de "Epagneul Breton de cauda curta".



Desenvolvido para atuar na caça da galinhola, o Spaniel Bretão destaca-se entre os caçadores por sua atuação dedicada e decidida neste esporte. Tem um faro invejável e uma resistência à toda prova. Especialista beste tipo de caça e extremamente versátil no campo, é uma das raças preferidas dos caçadores porque alia sua eficiência na função com a docilidade de um verdadeiro cão de companhia. Nas provas de campo, poucas raças conseguem tamanho sucesso. Seu tamanho reduzido (Spaniel Bretão é considerada a menor entre as raças de cães de aponte) e temperamento dócil, além da grande capacidade de grande adaptação, fez com que se transformasse num sucesso da cinofilia mundial.



No Brasil o Spaniel Bretão ainda é pouco conhecido e, normalmente, utilizado em sua função original nos estados em que a caça é permitida, como o Rio Grande do Sul.



Personalidade



Além de suas qualidades como caçador versátil e eficiente, o Spaniel Bretão conquistou uma imensa popularidade como cão de companhia por que, além de seu tamanho reduzido, é um cão extremamente dedicado e dócil. Na França, a raça está entre as preferidas para aqueles que moram em casas pequenas e até mesmo em apartamentos.



Rústico e muito alegre, é um cão de grande atividade e interação com o dono. É um cão que precisa de exercícios físicos para gastar sua enorme energia e vivacidade. São excelentes companheiros para crianças e pessoas com uma vida bastante ativa. Normalmente se dão bem com outros cães. Latem pouco e são muito limpos, facilitando sua manutenção em espaços reduzidos.



Na escala de inteligência elaborada por Stanley Coren, em seu livro A Inteligência dos Cães o Spaniel Bretão está na 19ª posição, o que se reflete na sua facilidade de aprendizado.



Como todos os Spaniels, é um cão que adora água e está perfeitamente adaptado às atividades aquáticas.



Muito resistente, é capaz de acompanhar seu dono em qualquer atividade. O tamanho e a agilidade da raça, fazem com que se dêem muito bem com atividades como agility e flyball. Assim como a maioria das raças, não se adapta bem a longos períodos de solidão.


O Filhote do Spaniel Bretão



Os filhotes possuem uma aparência encantadora e alto nível de atividade e justamente por terem grande energia podem ser "arteiros" quando filhotes e precisam desde cedo que o dono imponha seus limites. A cauda deve ser cortada mas alguns exemplares já nascem anuros.



Aprendem com facilidade os hábitos de higiene e com uma energia invejável são capazes de passar horas às voltas com as brincadeiras, especialmente aquelas que "simulam" a atividade de caça, como correr atrás de objetos. Para aqueles que pretendem utilizar suas qualidades para caça, recomenda-se um treinamento específico, uma vez que é necessário que haja um "timing" perfeito com o caçador.


A Pelagem do Spaniel Bretão



O Spaniel Bretão possui pelo liso (ou ligeiramente ondulado) e fino pelo corpo, sem excessos.



Cores do Spaniel Bretão


As cores aceitas para a raça são: branco e laranja, branco e preto, branco e castanho ou tricolor. Marcações ruão (salpicados) são aceitas em qualquer uma das versões.


Criadores de cães Spaniel Bretão - Brittanny

CANIL FARO AMIGOLimeira - SP

(19) 99768-3383

 


Fotos

 

Spaniel Bretão - Brittanny - Foto 1
Spaniel Bretão - Brittanny - Foto 2
Spaniel Bretão - Brittanny - Foto 3
Spaniel Bretão - Brittanny - Foto 4
Spaniel Bretão - Brittanny - Foto 5
Spaniel Bretão - Brittanny - Foto 6